Quem Quer Ser Um Missionário?

O texto de hoje é muito especial pra mim, não só por se tratar de um assunto que eu gosto muito, mas porque foi escrito por uma grande amiga minha que, exatamente hoje, está se formando em um curso de missões da MEIB. Então, nada melhor que postar um texto sobre missões para parabenizá-la né? Conheci a Yris, autora desse texto, quando viajei à tribo Xicrin em julho agora – já leu o texto né? Não?! Então corre – e foram momentos de muito valor para mim e todos que estiveram lá. Sendo assim, espero que esse texto sirva para despertar em nós o interesse e maior dedicação a missões, que Deus nos abençoe.

E à Yris, que Deus abençoe e guie nessa nova jornada, que continues a servi-Lo com toda a dedicação e amor que vi em ti.

 


 

Essa pergunta parece àquela famosa frase que deu o nome a um filme (e é essa mesma). Quem não gostaria de ser milionário? Há aqueles que digam que não sonham em ser milionários, mas se analisarmos, por mais que querer ser milionário não nos traga paz, pelo menos, o dinheiro iria ajudar muitas pessoas que simplesmente não tem nada. A pergunta é bem simples: Quem quer ser um missionário? Quem quer cumprir o ide do Senhor? Ele nos deu essa missão. Vamos ajudar?

Por muito tempo, foi simplesmente muito difícil imaginar que eu poderia ajudar alguém. Achava-me incapaz, e isso doía demais. Mas aos poucos nasceu o desejo de ajudar as pessoas de alguma forma, e eu não tinha ideia de que forma era. Esse é o meu desejo até hoje, mas sinceramente, a palavra “missão”, estava longe do contexto que eu imaginava de ajuda, fazer missões para mim, era algo impossível, pois não me achava capaz de sequer falar de Deus para as pessoas (e olha que eu falo demais).

Fazer missões para mim era viajar à África, ou a Israel, ou qualquer outro lugar distante, que eu achava que faltava alguém ouvir da palavra de Deus. Como então eu poderia sonhar em ir para algum desses lugares? Foi preciso eu entender, que dava muito bem, para eu falar do amor de Deus, ou até mesmo expressar, aqui mesmo… Não! Não é só aqui na minha cidade, ou no meu bairro, é aqui dentro de casa! Eu preciso ser exemplo, ser sal e luz, como a própria Bíblia diz em Mateus 5:13,14. È difícil falar isso, porque as pessoas não estão fáceis de lidar hoje em dia, mas eu preciso começar aqui de dentro, para ir lá fora.

Agora já posso ir para a África, Israel, China? Opa! Espera aí… Tem tanta gente, bem pertinho de você que precisa. E os seus vizinhos? Colegas de trabalho, de escola, de faculdade… E os seus amigos? Tem gente bem pertinho de você que necessita ouvir do amor do Pai, tem gente perto de você que necessita de um ombro amigo e que principalmente necessita de Deus e você pode ser esse canal, entre ela e Ele. Não estou falando que não podemos ir para longe, aonde às vezes a palavra de Deus não chega, ou pessoas morrem por pregarem a palavra de dEle, não é isso! Mas aqui mesmo perto de nós, pessoas passam despercebidas, porque nós achamos que todos já ouviram falar de Deus, e nós sabemos que não é verdade.

Algumas pessoas acham a palavra missionário, muito “pesada” para designar assim, a “qualquer pessoa”, eu mesma tinha esse pensamento, mas Deus mudou isso na minha vida. Ainda tenho alguma dificuldade, quando ouço “e aí, você que é a Missionária Indígena?”. Por título ainda não, mas por amor sim! Porque foi essa missão que Deus me deu. Eu sou missionária e estou fazendo o possível para chegar onde Deus deseja, pois fazer a vontade dEle na minha vida, é a minha vontade. É simplesmente indescritível o que sinto quando faço a obra dEle, meu coração acelera como de uma menina apaixonada, eu sinto paz, alegria… É prazeroso fazer a vontade de Deus. Faça da vontade dEle, a sua vontade, garanto que você não vai se arrepender.

E aí, quem quer ser um missionário?

 

                                Yris Dutra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.