Livre acesso

Um dos maiores privilégios que Cristo poderia nos dar ao nos reconciliar com Deus, por meio de sua morte e ressureição, foi o fato de ter nos ligado com o céu. Como assim? Sei que pode parecer uma expressão estranha, mas o que eu quis dizer é que Jesus nos proporcionou o livre acesso a Deus.

“…O eterno propósito de Deus realizado em Cristo Jesus, nosso Senhor, por intermédio de quem temos livre acesso a Deus em plena confiança, pela fé na sua pessoa…” (Efésios 3:11-12)

Tá. Agora pensa comigo gente. Nós, seres humanos pequenos, pecadores, impuros, podendo ter um relacionamento real com o Criador de todas as coisas. Isso não é demais? Não. É mais que demais. É um privilégio inigualável e que deve ser o relacionamento mais importante da nossa vida. Mas eu ainda quero chegar à questão principal desse post.

Amigo leitor (a), como você se comunica e relaciona com seus pais? Provavelmente conversando, se alegrando e chorando com eles. Você acha que seu relacionamento com Deus poderia ser diferente disso? Claro que não! Ele é o nosso Pai, aquele que disse que mesmo que a nossa mãe nos deixasse (que é a figura humana que nos remete a demonstração de grande amor), Deus jamais nos abandonaria. Dessa forma, a oração se mostra como a nossa “conversa” com o Senhor.

“Haverá mãe que possa esquecer seu bebê que ainda mama e não ter compaixão do filho que gerou? Contudo, ainda que ela se esquecesse, Eu jamais me esquecerei de ti!” (Isaías 49:15)

Sei que muitos devem achar, “ah, mas eu nem sei orar direito, nem sei o que dizer”. Querido (a), diga o que você quiser pra Deus. Ele te conhece como ninguém e quer que você seja sincero e humilde de coração. Não precisa usar palavras rebuscadas e frases feitas, mas apenas fale com Ele. Conte sobre seu dia, suas lutas, conquistas, anseios, sonhos, pecados e etc., e não precisa ter um horário específico para isso, você pode falar com Deus o dia todo e até mesmo de olhos abertos (eu faço muito isso, principalmente quando ando na rua ou quando estou no ônibus) (Filipenses 4:6).

O que eu quero que você entenda é que a oração além de ser um meio de te aproximar mais e mais do Senhor, ela vai te fortalecer. Muitas pessoas negligenciam isso, acham que a oração é como se fosse um ritual, mas ela é infinitamente mais do que isso, porque ela te conecta com o próprio Deus. Sabe, se eu pudesse eu ficaria repetindo isso o tempo todo pra você, porque eu acho que é um assunto de extrema importância na vida do crente. Simplesmente não existe alguém que se diga um cristão verdadeiro se não tiver um vida diária e constante de “conversa” com Deus, pois só assim nós vamos conhecer mais do nosso Pai e saberemos qual é a vontade dele pra nossa vida.

Ao ler a bíblia eu fico pensando nos homens e mulheres, como eu e você, que tiveram uma relação tão íntima com Deus, e puderam suportar grandes provações, provaram de livramentos e do grande sustento de Deus e chegaram a realizar milagres incríveis, mas mais do que isso, eles são lembrados na bíblia, como o Rei Davi, por exemplo, como um homem segundo o coração de Deus (Atos 13:23). São fatos que me fazem refletir sobre minha própria relação com o Senhor, porque eu sei que nem sempre eu mantenho contato com Ele em oração e isso me deixa vulnerável às investidas do inimigo em me fazer cair e em ceder às tentações (Romanos 8:26-27). Isso acontece com todo o mundo devido a nossa natureza caída, mas não deve servir de desculpa pros nossos erros, ao contrário, devemos nos esforçar a cada dia para buscar um relacionamento com o Senhor. Pois ele mesmo nos disse, que quem o busca de todo o coração, o encontra.

 

Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei.

E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração”.

(Jeremias 29:12-13)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.