Uma visão abrangente

Este texto tem o objetivo de introduzir uma série de estudos que farei a respeito de cosmovisão cristã e de sua aplicabilidade prática.

 

Vivemos em um mundo cercado das mais variadas ideias. Todos os dias, somos bombardeados pelos mais variados pensamentos possíveis. Na rua, ao assistir um filme ou série, ao ler um livro, na universidade ou na escola. Quer percebamos ou não, em todos os lugares e em praticamente todo o tempo nos são apresentadas essas diferentes visões acerca da realidade, diferentes cosmovisões.

 

O termo cosmovisão é uma tradução da palavra alemã weltanschauung, que significa ‘modo de olhar o mundo’ (welt – mundo, schauen – olhar).

 

Todos nós temos uma cosmovisão, uma forma de ver o mundo. Essa maneira de enxergar a realidade está baseada em nossas crenças e valores que adotamos como padrões para julgar e interpretar tudo que acontece ao nosso redor e conosco. Sempre que tomamos decisões recorremos àquilo que cremos como sendo bom, justo e verdadeiro para orientar nossas ações.

 

Agora, pense um pouco a respeito das ideias que têm sido ventiladas atualmente no meio de nossa sociedade sobre Deus, religião, família, sexo, casamento, aborto, educação, política, economia e etc.

 

Basta uma rápida análise da realidade para vermos como vários desses pensamentos têm destruído e corrompido nossa sociedade. Não nos enganemos: o nosso modo de pensar influencia o nosso modo de agir. Ideias têm consequências reais.

 

Mas a questão é: como se posicionar frente a tantas “verdades”?

 

Temos que entender que nossa fé não se limita ao âmbito religioso. Não deve haver em nossas vidas uma separação entre o secular e o sagrado. Não devemos viver uma fé privatizada, enjaulada na esfera da “verdade religiosa”.     Podemos e devemos e aplicar princípios bíblicos em diversas áreas, como trabalho, política, ciência e etc.

 

 

Deus não salva uma parte do homem. Ele salva o homem por completo. A salvação nos conecta novamente a Deus e nos dá seu Santo Espírito para obtermos o poder de viver como Ele deseja.

 

Temos de entender nossa visão e prática (nossa missão) como força redentora neste mundo caído, trazendo para debaixo da Sua vontade tudo que estava distorcido pelo pecado. Viver de acordo com a Bíblia é viver de acordo com os padrões do Rei e do Reino.

 

“Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém.” Romanos 11:36.

 

O cristianismo possui uma abrangência não existente nas demais religiões. Tudo é para Deus e tudo é por meio de Deus. Tudo que fazemos deve ser para sua glória e de acordo com a Sua ordem e vontade.

 

 “Não há uma polegada em toda área da existência humana da qual Cristo, o soberano sobre tudo, não proclame, ‘É meu’.Abraham Kuyper.

 

Deus tem uma reinvindicação abrangente sobre nós. Somos responsáveis perante Ele.

 

“Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus.” 1 Coríntios 10:31. 

 

Precisamos viver uma vida cristã pura e simples. Uma vida que busque glorificar a Deus, reconhecendo sua soberania sobre todos os aspectos de nossa existência, e tendo em nossos corações o desejo de vê-lo glorificado onde Ele ainda não é.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.